22 de Agosto de 2017
geral@cm-amares.pt
04:24

Notícias Relacioandas

Não existem notícias relacionadas disponíveis.

Notícias

Notícias

VALORES DE ABRIL EVOCADOS EM AMARES NAS COMEMORAÇÕES DOS 43 ANOS DA REVOLUÇÃO DOS CRAVOS

26-04-2017

Momentos musicais protagonizados pela Banda Filarmónica de Amares e pela AFA – Estudos musicais, recitação poética pelas vozes de alunos do Agrupamento de Escolas de Amares, o hastear das bandeiras, a revista às forças em parada e a largada de pombos, a presença da Bombeiros Voluntários de Amares e da Delegação local da Cruz Vermelha Portuguesa marcaram, ontem, as comemorações do 25 de Abril em Amares. Numa manhã em que a população se sentiu convidada a sair à rua, associando-se às cerimónias, a presença marcante dos cravos vermelhos – maior símbolo da revolução de abril – coloriu o Largo dos Paços do Concelho, num bonito quadro humano evocativo aos valores de Abril.

“Estamos aqui hoje porque há 43 anos Portugal nasceu para um tempo novo, despertou ´da noite e do silêncio` como descreveu Sophia de Mello Breyner e, com ousadia dos capitães de Abril, inaugurou a palavra liberdade”, começou por referir o presidente da Câmara Municipal de Amares, Manuel Moreira, na Sessão Solene da Assembleia Municipal.

Dirigindo aos presentes com o pensamento posto nas gerações futuras às quais segundo o autarca “importa passar o testemunho da bravura dos heróis e civis que fizeram a Revolução dos Cravos”, Manuel Moreira sublinhou que “é a elas que temos de falar do futuro e do papel de cada um nesta construção da democracia” e, por esse motivo, congratulou-se por ver tantos jovens envolvidos nas cerimónias comemorativas da Revolução dos Cravos. O edil que saudou, ainda, as conquistas “enormes” do 25 de Abril, nomeadamente no campo da saúde, educação, ação social e na criação de infraestruturas.

As comemorações deste ano ficaram, também, marcadas pelo discurso da jovem Catarina, uma aluna da Escola Secundária de Amares, que de forma brilhante e arrebatadora evocou a liberdade e mereceu aplausos de pé da Assembleia Municipal.

Após todos os partidos políticos terem usado da palavra para assinalar a efeméride, relembrando os princípios da revolução dos cravos e a importância de uma busca constante por um ideal de liberdade e democracia, coube ao presidente da Assembleia Municipal de Amares, João Januário, deixar um palavra de agradecimento a todas as entidades que estiveram envolvidas nas comemorações.

João Januário realçou que a data de ontem é “um dia para ter no coração”. “Celebramos hoje uma data que mudou Portugal e permitiu traçar um novo caminho para Portugal e para este concelho”, considerou, lançando um apelo aos mais jovens para que se envolvam mais na vida política e para que “usem usar os valores de abril como fonte de esperança”.

A homenagem a 6 colaboradores do quadro de pessoal do Município de Amares pelo tempo de serviço dedicado à causa pública nesta instituição foi outro dos momentos altos e simbólicos das comemorações.