15 de Novembro de 2018
geral@cm-amares.pt
19:50

Notícias Relacioandas

Não existem notícias relacionadas disponíveis.

Notícias

Notícias

Projeto de voluntariado jovem amarense entre os três melhores do distrito de Braga

30-10-2018

O Projeto Voluntariado Jovem para a Natureza e Florestas “ Valorizar e Proteger a Rede Natura 2000” do Município de Amares foi um dos três selecionados a nível distrital no concurso "Boas Práticas de Voluntariado e Geração Z", promovido pelo IPDJ - Instituto Português do Desporto e Juventude, I.P.

O projeto segue agora para a segunda fase do concurso na qual vão ser apurados os melhores da região norte.

O projeto amarense surgiu no âmbito do programa “Voluntariado Jovem”, do Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ), acolhido pela Câmara Municipal de Amares, durante o passado mês de julho, e que contou com a participação de seis jovens: cinco de Amares e um de Guimarães.

Para Vítor Ribeiro, vereador do Ambiente da Câmara de Amares, “este é um reconhecimento por parte do IPDJ por todo o trabalho desenvolvido e que permitiu aliar a vigilância da floresta ao reconhecimento da biodiversidade existente no perímetro florestal da Abadia. Este espaço integra a Rede Natura 2000 e a Reserva da Biosfera da Unesco e possui uma riqueza enorme ainda por explorar”.

“O trabalho destes jovens foi extraordinário e é um orgulho para o Município de Amares ser distinguido pelo trabalho desenvolvido” acrescentou o vereador, agradecendo a colaboração de todos os que contribuíram para o sucesso deste projeto de voluntariado levado a cabo em articulação com o IPDJ e a Confraria da Abadia.

Recorde-se que, fruto do trabalho desenvolvido durante este programa de voluntariado, esteve patente no Centro Interpretativo da Abadia uma exposição interativa alusiva à Rede Natura 2000, através da qual foi possível dar a conhecer aos visitantes o património ecológico do concelho.

Outra das iniciativas levadas a cabo foi a criação da brochura “Viagem pela Biodiversidade: a Abadia enquanto laboratório vivo”, um retrato que dá a conhecer as espécies naturais existentes e promove, simultaneamente, a Abadia enquanto destino turístico em termos paisagísticos e ambientais e que vai, posteriormente, ser distribuída em todas as escolas do concelho.