17 de Outubro de 2017
geral@cm-amares.pt
17:44

Notícias Relacioandas

Não existem notícias relacionadas disponíveis.

Notícias

Notícias

PROGRAMA DE APOIO AOS JOVENS “EMPREENDE JÁ” APRESENTADO EM AMARES

17-02-2017

O Gabinete do Empreendedorismo do Município de Amares e o Espaço Emprego Já do CLDS Valor Humano 3G, da Valoriza, promoveram, ontem , uma sessão de esclarecimento em que foi dado a conhecer o programa “Empreende Já”. Promovido pelo Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ, IP) este programa tem como objetivo apoiar a criação e o desenvolvimento de empresas e de entidades da economia social,  bem como, a criação de postos de trabalho, por e para jovens.

Desenhado para apoiar a empregabilidade de jovens NEET (Neither in Emplyment nor in Education or Training) – que não trabalham, não estudam e não se encontram em formação – conforme explicou Glória Teixeira do IPDJ, o programa destina-se a candidatos com idades compreendidas entre os 18 aos 29 anos, com escolaridade mínima obrigatória, sendo que as inscrições decorrem até 06 de março de 2017.

O programe é composto por duas ações distintas: a ação 1 traduz-se no apoio ao desenvolvimento de projetos, centrada na aquisição de competências por parte dos jovens (250h de formação e 30h de tutoria). A ideia é apresentar uma proposta de negócio, que não tem necessariamente de ser implementada e que pode ser individual ou conter até um número máximo de três pessoas e que depois será avaliada e aprovada ou não. A ação 2 apoia a sustentabilidade de entidades e de postos de trabalho criados ao abrigo do programa, resultantes de projetos desenvolvidos por jovens empreendedores da ação 1.

O IPDJ pretende envolver, na primeira ação deste programa, 630 jovens e apoiar a integração e a sustentabilidade de 180 postos de trabalho. Os jovens empreendedores terão, durante 6 meses uma bolsa de apoio financeiro equivalente a 1,65 do IAS (Indexante de Apoio Social). Os que passarem para a segunda ação receberão 10.000,00 euros para apoio à constituição e sustentabilidade da empresa ou entidade de economia social criada. Este segundo apoio financeiro implica o compromisso de manter a entidade em atividade durante 2 anos.

 

Sabe mais e candidata-te em https://eja.juventude.gov.pt.