21 de Setembro de 2018
geral@cm-amares.pt
01:09

Notícias Relacioandas

Não existem notícias relacionadas disponíveis.

Notícias

Notícias

Município de Amares integra projeto de educação financeira promovido pela Cim Cávado

09-01-2018

“No Poupar Está o Ganho!” Assim se chama o projeto de educação financeira implementado pela Comunidade Intermunicipal do Cávado – Cim Cávado, entre 2018 e 2020, com o intuito de preparar uma nova geração de consumidores para enfrentar cenários financeiros complexos, e do qual o Agrupamento de Escolas de Amares vai fazer parte. A iniciativa inclui os seis centros escolares do concelho de Amares e vai ser promovida junto uma turma do primeiro ciclo de cada um dos referidos estabelecimentos de ensino.

Concebido em 2010 pela Fundação Dr. António Cupertino de Miranda, este projecto, vida promover a literacia financeira na comunidade estudantil e já formou, desde então, mais de 11.500 alunos do primeiro, segundo e terceiro ciclos do ensino básico e secundário.

Promovida pela Cim Cávado em várias escolas públicas da sua área abrangente, a iniciativa tem sobretudo como principais objetivos transferir conhecimento para capacitar jovens a tomar decisões financeiramente corretas, criar uma nova geração de consumidores informados e incluir a educação financeira nos projetos educativos para com isso promover a mudança de vida de todos os envolvidos (alunos, pais e professores).

A sessão de apresentação do projeto decorreu no passado dia 5 de janeiro, na Casa do Conhecimento de Vila Verde, e contou com a presença da vereadora da Educação do Município de Amares, Cidália Abreu, que destaca “a pertinência do mesmo na formação e preparação das crianças/jovens do concelho para os cenários financeiros e desafios futuros, promovendo junto delas boas práticas no que diz respeito ao uso do dinheiro”.

O projeto “No Poupar Está o Ganho!” tem como parceiros institucionais a Universidade do Porto, através da Faculdade de Economia e o Banco de Portugal e desenvolve-se ao longo de todo o ano letivo, incluindo formação para professores, de modo a que estes estejam preparados para transmitirem os principais conceitos de educação financeira aos seus alunos.