29 de Junho de 2017
geral@cm-amares.pt
08:19

Concelho

Página inicial > Concelho > Brasão e Símbolos

 BRASÃO E SÍMBOLOS


(Diário do Governo, Nº 190, II Série, de 17 de Agosto de 1951)

MINISTÉRIO DO INTERIOR

DIRECÇÃO GERAL DE ADMINISTRAÇÃO POLITICA E CIVIL

2ª REPARTIÇÃO

PORTARIA DE 10/08/1951

 

Atendendo ao que representou a CÂMARA MUNICIPAL DO CONCELHO DE AMARES e tendo em vista o parecer emitido pela comissão de heráldica e genealogia da Associação dos Arqueólogos Portugueses: manda o Governo da República Portuguesa, pelo Ministro do Interior, aprovar, de harmonia com o disposto no artigo 14.º do Código Administrativo, a constituição heráldica das armas, selo e bandeira daquele concelho, nos termos seguintes:

ARMAS – De prata, com uma laranjeira arrancada de verde, frutada de ouro, entre duas espigas de milho de ouro, folhadas de verde; em chefe dois cachos de uvas de púrpura, folhados de verde. Coroa mural de quatro torres de prata.

SELO – Circular, tendo ao centro as peças das armas sem indicações dos esmaltes. Em volta, dentro de círculos concêntricos, os dizeres: «Câmara Municipal de Amares»

BANDEIRA – De verde, com as armas ao centro, encimadas por coroa, mural de prata de quatro torres e por baixo do escudo um listel branco com a palavra «Amares», de negro. Haste e lanças douradas. Cordões e borlas de verde.

Ministério do Interior, 10 de Agosto de 1951.

O Ministro do Interior, Joaquim Trigo de Negreiros.